Vinte princípios do Karatê-Dô
Publicado em 25/09/2009
NIJU-KUN
Gichin Funakoshi
Vinte princípios do Karatê-Dô

1) “Não se esqueça que o Karatê-Dô começa e termina com saudação”.
2) “Não existe o primeiro golpe no Karatê-Dô”.
3) “O Karatê-Dô fica ao lado da justiça”.
4) “Primeiro conheça você mesmo, depois conheça os outros”.
5) “A mente é mais poderosa que a técnica”.
6) “A mente deve estar livre”.
7) “A calamidade brota do descuido”.
8) “O Karatê-Dô vai além do Dojo”.
9) “O Karatê-Dô é uma busca para toda a vida”.
10) “Aplique o Karatê-Dô em todas as coisas. É nisso que consiste a sua beleza”.
11) “O Karatê-Dô é como água fervente: sem calor retorna ao seu estado natural”.
12) “Não pense em vencer, prefira pensar em como não perder”.
13) “Faça os ajustes de acordo com o seu oponente”.
14) “O resultado de uma batalha depende de como as mãos estão cheias ou como estão vazias (força e fraqueza)”.
15) “Pense que as mãos e os pés do seu oponente são espadas”.
16) “Quando você da um passo além do seu limite, você irá enfrentar milhões de inimigos”.
17) “Kamae é para os principiantes os experientes ficam em Shizentai”.
18) “Realize o Kata exatamente como ele é, no combate é diferente”.
19) “Não esqueça o emprego ou retirada da força, a extensão e contração do corpo, a rapidez e a tranqüilidade ao aplicar a técnica”.
20) “Esteja constantemente atento, diligente, cheio de recursos na procura pelo verdadeiro caminho”.

Voltar
 
 Leia mais
› Senadora Marina Silva‏
› Encontro com Marina Silva
› Agricultura Familiar‏
› Agroindústria Familiar‏
› A Importância da Agroecologia para o Planeta Terra
› Agronegócio, um modelo esgotado‏
Veja mais artigos »»»
Topo  Voltar
www.projetovidanocampo.com.br
© Copyright 2018 - All Rights Reserved
Hozt Internet | Hospedagem e Web Design